fbpx
Xbox Game Pass Ultimate: Inscreva-se por R$5

O excelente primeiro episódio de King’s Quest, nos deixou muitos esperançosos em relação a continuação do jogo. Como toda sequência esperávamos uma evolução, mas não foi o que aconteceu desta vez. Ao menos foram mantidos: excelente sonorização, cenários vívidos e bem equilibrados além dos bons puzzles. A estória tem uma pegada mais sombria e tensa, presente também nos títulos anteriores da série, com decisões importantes que definem o destino de alguns personagens.

kingsquest_ep02_001Alguns anos se passaram desde o primeiro capítulo, e entediado com as decisões burocráticas, King Graham resolve pegar um ar fora do castelo, e o improvável acontece: é raptado pelos goblins que afugentou anteriormente. É levado para o reino subterrâneo, aonde se passa todo o segundo capítulo, tentando escapar e ainda ajudar seus amigos aprisionados. O cenário subterrâneo é pequeno, tornando as caminhadas pelo cenário repetitivas, ao menos a curta duração não deixa te entediar também.

kingsquest_ep02_002Graham segue contando suas aventuras para seus netos na hora de dormir. Embora os goblins possuam uma relação de amor e fascinação com contos de fadas (inclusive alguns deles são mostrados e utilizados como parte das quests, Cinderela e A Princesa e Ervilha) eles também são sádicos o suficiente para deixarem seus prisioneiros morrerem de fome.

Este capítulo é quase todo centrado no dilema das difíceis decisões de quem deverá ser salvo. Além você começar fraco, cada personagem tem sua resistência aos dias enclausurados sem a devida alimentação. Alguns obstáculos só podem ser ultrapassados com a recuperação de suas forças, note que cada pedra utilizada como peso para as alavancas será necessário um estágio de força recuperado.

Conquistas

São ao todo 9 conquistas, que para serem todas desbloqueadas faz-se necessário 2 gameplays. Busca pelas 4 moedas de ouro, 3 páginas dos livros, além de um reencontro de dois personagens. Nada muito difícil, totalizando fáceis 200G.

Conclusão

Embora seja um jogo para todas idades, as escolhas e as mortes consequentes, fazem parte da construção da maturidade de Graham, e que as mesmas afetarão as pessoas de seu reino, mesmo sendo uma estória para dormir. O visual e a vocalização dos atores mantém o encanto do primeiro capítulo, mas o brilho é perdido no cenário limitado tendo a necessidade de se passar diversas vezes pelos mesmos caminhos, e o curto gameplay ditam a baixa avaliação, mas continuamos esperançosos para os próximos capítulos/aventuras de King Graham.

kq_ch2_selo
Entenda nossas notas

Clique e confira na Xbox Store

Compartilhar.

About Author

Aficionado por games, comecei cedo: Intellivision -> MSX -> PC -> Xbox 360 / PS3 / PSP -> Xbox One. Fã de Fallout, Bioshock, Assassin's Creed, Mass Effect, Borderlands, Skyrim, Just Cause, Dead Island, Gears of War, Far Cry, Halo, GTA entre outros. Também aficionado por séries de TV, NFL (GO GIANTS!), NBA (Go Lakers), Futebol (Fluminense).

Powered by keepvid themefull earn money