fbpx
Xbox Game Pass Ultimate: Inscreva-se por R$5

A HISTÓRIA DA FAMÍLIA MISHIMA

O modo história é composto principalmente pela história da família Mishima. Pra quem não conhece a história de Tekken, o modo história é um prato cheio, eu só sabia de algumas coisas, mas ao jogar fiquei empolgado pois para um jogo de luta, ela é bem contada através de cutscenes e lutas para cada capitulo. O bom desse modo é que o jogador pode experimentar vários lutadores e alguns outros através de histórias paralelas de outros personagens. Elas secundárias servem também como um complemento para a história e são muito divertidas, pois jogam um pouco de humor na história de Tekken 7 que no geral é uma história bem pesada, com conflitos familiares, bélicos e de forças sobrenaturais.

A família Mishima é a responsável por todo o legado de Tekken e pela criação do torneio, que é chamado de King of Iron Fist. O ameaçador Heihachi Mishima que é herdeiro da empresa Mishima Zaibatsu é o principal antagonista da série, e ganha um arco dramático que conforme você vai vendo o seu ponto de vista, meio que justifica alguma de suas ações, é claro em um ponto de vista de um “vilão”. A história é bem contada, não demora muitas horas para terminar, e tem pontos fortes de drama. O ponto mais forte do modo história é a aparição de Akumaquando vi o personagem pensei que ele não faria sentido no modo história, mas com o desenrolar da trama, Akuma se incorpora ao roteiro de uma forma muito interessante.

GRÁFICOS

Os gráficos  são um ponto forte de Tekken 7, uma ótima iluminação, modelação de personagem e expressões faciais que dão um ar dramático a trama. Outro aspecto interessante são os ataques que dependendo do personagem possuem raios, explosões de KI ou lasers, dependendo de quem esteja jogando.

Os cenários é outro aspecto bem trabalhado. O jogo usa a Unreal Engine 4 que é responsável pelo motor gráficos de jogos de ponta dessa geração. Os cenários são destrutíveis para mostrar o poder de ataque dos lutadores e o fundo do cenário é algo a se babar em alguns momentos. A engine fez muito bem ao jogo.

JOGABILIDADE

A jogabilidade de Tekken 7 é a básica de todos os jogos da série, mas o que gostei foram os especiais, onde ficamos com uma aura vermelha, e ao apertar o RB e soltar um golpe especial, isso muda completamente a partida, podendo virar o jogo em um único momento. Pra quem não conhece a série, o jogo utiliza o artificio de combos, e combinações de golpes para dar mais danos, o que difere um pouco da combinação de golpes e magias. Poucos personagens possuem magias, um exemplo é Akuma, mas ele não conta pois é um personagem da série Street Fighter. Os golpes de Akuma são bem similares aos de sua série de origem, então para se dar bem no jogo o ideal é aprender os seus combos.

Os botões são bem simples e a maioria dos ataques usam dois botões, combinações de soco forte com soco fraco por exemplo, o bom é que os lutadores possuem muitos golpes, então para se dominar um personagem é preciso muito treino e aprender  a listagem com os golpes.

PRINCIPAIS MODOS DE JOGO

Os modos mais interessantes são os clássicos, os destaques ficam para:

  • Modo história: Um dos destaques do jogo, ele explica cada detalhe da saga e deixa os novatos conhecerem mais da história.
  • Arcade Mode: Aquele modo que dá para jogar sem muito compromisso. Existe um pedaço da história que são divididos em partes para cada jogador e os adversários são aleatórios, mas também existem os lutadores que são inimigos pessoais de cada lutador.
  • Online Mode: Um modo para lutadores mais experientes, você começa nivelado, o jogo não te coloca contra oponentes muito mais fortes, ele te coloca contra adversários que você pode vencer. Depois é só ir subindo de faixa para pegar adversários mais experientes. São lutas de 3 rounds.

NOVOS LUTADORES

O elenco de lutadores até o momento soma 37 personagens, cada um com seu estilo de luta característico. A t tela de seleção tem espaço para mais uns seis personagens, mas nada anunciado oficialmente, claro. Os destaques ficam para os inéditos Katarina Alves (a brasileira inspirada pela beleza local de São Paulo, segundo o próprio Harada), Claudio Serafino (exorcista italiano), Lucky Cloe (uma ídolo otaku), Shaheen (Arábia Saudita), Josie Rizal (filipina praticante de esgrima e kickboxing), Gigas (protótipo de soldado que deve substituir os Jack-7), Jack-7 (novo modelo, mesmo personagem), Master Raven (uma kunoichi da mesma organização de Raven), Kasumi Mishima (falecida esposa de Heihachi) e Akuma, de Street Fighter.

SOM

O som do jogo é ótimo, com explosões, impacto dos golpes no corpo, tudo bem feito. O destaque fica para a trilha sonora que calibra bem cada momento da partida e mostra os dramas dos personagens no modo história.

O jogo também possui legendas em português e por ter alguns lutadores brasileiros, tem alguns diálogos que são em português.

CONCLUSÃO

Quem ama a série Tekken vai amar o sétimo jogo, uma grande variedade de lutadores, trazendo a mistura que Tekken sempre teve, com uma grande variedade de artes marciais. Um ótimo jogo para quem curte jogos de luta, onde o combo reina e os jogadores iniciantes já podem ir fazendo seus combos e se divertindo muito. O jogo também oferece uma grande quantidade de lutadores, e isso já faz valer a pena o investimento.

Entenda nossas notas

Clique e confira na Xbox Store
Compartilhar.

About Author

Desenvolvedor Web e Analista de TI, gamer assíduo desde a época do Atari, fã de Metal Gear(menos o Phantom Pain) e Gears of War. Ter a oportunidade de trabalhar um pouco com games é um sonho realizado. Falta só ir para E3!!!

Powered by keepvid themefull earn money