fbpx

Lançado em 13 de março para Xbox One, The Raven Remastered é uma remasterização de um jogo do mesmo nome, originalmente lançado no Xbox 360 com 3 episódios . O jogo foi desenvolvido pela KING Art e publicado pela THQ Nordic. O título nos coloca na pele do policial Anton Jakob Zellner que se envolve no meio de uma trama cheia de mistérios e que pode ser o retorno do mestre ladrão denominado “O Corvo”.

É quase um jogo da Agatha Christie, só que…

O famoso “Expresso do Oriente”, um cruzeiro a bordo de um luxuoso navio e o Museu do Cairo são cenários por onde o jogador deve explorar e recolher as pistas para solucionar os mistérios que a trama apresenta.

A narrativa de The Raven Remastered se passa em Londres, no ano de 1964. Um antigo rubi é roubado do Museu Britânico e na cena do crime é encontrada apenas uma pena de corvo. Com isso muito se perguntam se alguém está tentando seguir os passos de The Raven, o lendário ladrão mestre que havia desaparecido. O policial Anton Jakob Zellner se encontra no meio do tipo de mistério de assassinato que ele até então só conhecia lendo seus romances prediletos. Ele é um policial suíço que é incumbido de auxiliar Nicolas Legrand, o famoso inspetor responsável pela captura do lendário ladrão The Raven anos atrás.

Além do inspetor, Zellner interage com outros personagens ao longo da aventura, como a Baronesa Von Trebitz, a escritora Clarissa Westmacott, o violinista David Kreutzer e muitos muitos outros.

O game possui cenários belíssimos, mas o desempenho…

A jogabilidade envolve muitos diálogos e a coleta e uso inteligente de itens, o que fará com que seja necessário explorar bastante todas as opções que o game propõe. O jogador tem acesso a uma caderneta com anotações de Zellner onde é possível conseguir dicas do que fazer, mas tome cuidado, utilizar muitas dicas fará com que você tenha que rejogar o capítulo sem o uso delas, caso queria fazer 100% das conquistas.

Tudo vale a pena, se a alma não é pequena

Apesar de ser uma versão melhorada e contar com efeitos aprimorados de luz, cabelos e resolução full HD, os gráficos de The Raven Remastered ainda deixam a desejar. O motor gráfico mostra os sinais da idade, principalmente para os mais exigentes com sincronia labial e fluidez, slowdowns são constantes nas cortes rápidos entre as cenas fazendo com que o impacto de algumas cenas seja cortado pela deficiência técnica.

Selfie após jogar por algumas horas.

O aspecto sonoro de The Raven Remastered é muito competente, tanto a dublagem quanto a música ambiente são muito competentes e, junto com o enredo envolvente, são os destaques do game, que se fosse trabalhado com maior esmero, poderia apresentar ao jogador um produto final muito mais bem acabado. Outro fator que pode afugentar muitos jogadores é a ausência de legendas e menus em Português, o que dificulta o entendimento da história caso não possua conhecimentos da língua inglesa.

Opinião

É triste quando vemos boas ideias desperdiçadas por falta de acabamento e The Raven Remastered é uma delas. A trama lembra muito os contos polícias da autora Agatha Christie, com personagens caricatos mas carismáticos e uma ambientação bem detalhada e misteriosa, porém nem o melhor roteiro pode salvar os problemas técnicos existentes.

A remasterização deveria ser a chance do game alcançar um público maior, porém, infelizmente, não é isso que acontece.

Entenda nossas notas

* Análise realizada em co-op com André Barrozo (GT: Sansufx), que realizou o gameplay do jogo e compartilhou conosco as suas impressões, bem como essa análise. Confira também o trabalho dele no Twitter.

Clique e confira na Microsoft Store
Compartilhar.

About Author

Administradora de Empresas, mas apaixonada pelo mundo dos games e pelo Xbox!Fã da incrível e complexa franquia Halo e de seu icônico líder, o Master Chief. Também apaixonada por Dragon Age e seu universo magnífico. Ahhh e quem disse que Dark Souls não é divertido? :DSempre ligada nas notícias e novidades do lado verde da força!

Powered by keepvid themefull earn money