fbpx
Participe do nosso grupo no Telegram

The Elder Scrolls Online foi lançado em 2014, mas vive recebendo constantes atualizações com melhorias e novos conteúdos, além de expansões gigantescas, como é o caso da mais nova que ganhou o nome de Summerset . A Expansão traz uma nova área imensa, uma nova história dentro do universo épico de Elder Scrolls, a linha de habilidades da Psijic Order, Fabricação de Jóias e muito mais.

Para os fãs da série como um todo, incluindo os jogos single player, Summerset é um prato cheio, pois mostra temas muito falados, mas pouco mostrados como a casa dos High Elves e as habilidades da Psijic Order. Tudo recheado com lugares deslumbrantes, em uma área maior do que qualquer capítulo anterior, vilões conhecidos e muito para explorar.

Vamos conferir se The Elder Scrolls Online: Summerset continua trazendo toda a lore riquíssima do universo de Elder Scrolls, o combate tático de Skyrim e o modelo de jogabilidade viciante dos MMO.

História

The Elder Scrolls Online: Summerset se passa na belíssima ilha de Summerset, que é o lar ancestral dos High Elves. O local não é mostrado em um jogo da série desde The Elder Scrolls: Arena, de 1994. A missão inicial apresenta o decreto da Rainha Ayrenn, que abriu a ilha para os estrangeiros, permitindo que recém chegados se aventurem pelo seu território, mas isso também está gerando desconforto por parte dos que não gostaram dessa atitude.

Conforme exploramos os lugares e realizamos as missões também descobrimos que uma escuridão paira sobre o lugar e traz agitação entre os seguidores Daedric, que estão organizados nas sombras. Isso é claro, com muitas tramóias políticas e outros dramas sociais que já fazem parte da tradição da série.

Tanto as missões principais quanto as secundárias de The Elder Scrolls Online: Summerset estão muito interessantes e incentivam os jogadores a explorarem mais e mais para tentar entender melhor tudo o que está acontecendo naquela belíssima ilha. O conteúdo é bem extenso, e vai render muitas e muitas horas para conseguir fazer tudo que o mapa oferece, mas tudo com uma progressão bem gostosa de fazer, pois realmente dá gosto se aventurar por Summerset.

Outra adição interessante para os fãs de Elder Scrolls é a descoberta da mística ilha Artaeum, que está cheia de magia e que transcende o espaço e o tempo.

Além de tudo isso, The Elder Scrolls Online: Summerset, também apresenta os grandes segredos que envolvem os magos da Ordem Psijic, que se trata de um grupo extremamente recluso de uma das organizações mais secretas de Tamriel, e que nunca havia tido seus mistérios revelados em nenhum jogo da série Elder Scrolls. Os jogadores também poderão, pela primeira vez, se juntar a eles e aprender suas habilidades.

Jogabilidade

The Elder Scrolls Online: Summerset traz o já conhecido sistema de combate e progressão do jogo base, mas aumenta a dificuldade com novos inimigos e mais desafios, tudo muito bem balanceado com uma boa quantidade de missões para realizar e interessantes pontos de interesse para explorar e descobrir pelo mapa.

Summerset não ganhou uma Dungeon de grupo de cinco jogadores, o que foi um tanto quanto decepcionante. Ainda assim, oferece diversas Dungeons para você se aventurar sozinho ou com outros jogadores de maneira pública, onde não é necessário encontrar um grupo, pois todos podem acessar pelo mapa. A grande adição ficou por conta do Trial Cloudrest, onde será possível escalar os picos mais altos de Summerset em uma desafiante provação para 12 jogadores. Essa atividade é mais voltada para o endgame e para quem consegue fechar um grupo de jogadores para fazer, pois não é possível realizar o matchmaking para ela.

Uma das mais importantes adições de The Elder Scrolls Online: Summerset foi a linha de habilidades da Ordem Psijic, que oferece skills únicas como congelar ou tornar inimigos mais lentos, meditar para restaurar saúde e recursos, ou até mesmo voltar no tempo.

Sendo assim, conteúdo é o que não falta nessa nova expansão, sendo a maior adição já feita em The Elder Scrolls Online, superando até mesmo a grande Morrowind, que foi lançada no ano passado.

Gráficos e Som

Assim como no jogo base, The Elder Scrolls Online: Summerset continua muito bem apresentado, e as paisagens belíssimas da expansão deixam o jogo com uma aparência ainda mais bonita. Os novos cenários são cheios de detalhes e se apresentam muito bem, tanto durante o dia quanto de noite, pois o jogo possui clima dinâmico. Os lugares internos, também estão muito bonitos e mostram bem o sistema de iluminação do jogo.

Para onde você olha, é impossível não se encantar com as florestas exuberantes, lagoas tropicais e cavernas de corais antigas.

Vale lembrar que o jogo está todo otimizado para o Xbox One X, onde se apresenta com resolução 4K nativa, além do suporte à tecnologia HDR, também presente no Xbox One S. Em todas as versões o jogo seguem com um ótimo desempenho, com travamentos quase inexistentes.

A trilha sonora segue soberba e oferece aquele tom épico para a aventura e para as batalhas, daquele jeito que todos os jogos da série Elder Scrolls faz com maestria. Infelizmente, o jogo ainda não possui nem dublagem e nem legendas no nosso idioma, o que prejudica a experiência de quem não manja muito do inglês.

Opinião

The Elder Scrolls Online: Summerset é uma aventura mais do que válida tanto para os jogadores já viciados no MMORPG da Bethesda e da Zenimax Online Studios, quanto para quem ama o universo de Elder Scrolls, pois o conteúdo traz novas informações bem interessantes sobre temas já citados bem superficialmente nos jogos já lançados anteriormente.

Tanto para quem irá voltar ao mundo do jogo, ou para quem pretende iniciar nesse mundo vasto e realmente interessante de explorar, é um ótimo momento para se aventurar em The Elder Scrolls Online (Confira também a nossa análise do jogo base).

Entenda nossas notas.

Clique e confira na Microsoft Store
Compartilhar.

About Author

Administradora de Empresas, mas apaixonada pelo mundo dos games e pelo Xbox!Fã da incrível e complexa franquia Halo e de seu icônico líder, o Master Chief. Também apaixonada por Dragon Age e seu universo magnífico. Ahhh e quem disse que Dark Souls não é divertido? :DSempre ligada nas notícias e novidades do lado verde da força!

Powered by keepvid themefull earn money