fbpx

Crash Bandicoot é um jogo de plataforma criado em 1996 pelos criadores da Naughty Dog. Lançado originalmente para o Playstation, o seu personagem principal era considerado o mascote do console, fazendo muito sucesso no gênero plataforma. Crash Bandicoot recebeu inúmeros jogos, mas dentre os mais famosos, são eles: Crash Bandicoot, Cortex Strikes Back,  Warped e Crash Team Racing.

Crash Bandicoot N. Sane Trilogy chegou ao Xbox Oneapós ser cogitado por um tempo como um exclusivo de PS4, se transformando em um jogo multiplataforma, e também quebrando uma tradição, após anos sendo lançado com exclusividade para os consoles da Sony. A coleção ainda permite aos jogadores do Xbox  jogar na melhor configuração, pois o Xbox One X tem suporte para o glorioso 4K. 

Crash Bandicoot N. Sane Trilogy foi remasterizado pela desenvolvedora Vicarious Visions, e a empresa foi perfeita na execução dessa tarefaquem jogou os jogos originais, logo percebe um salto enorme em qualidade gráfica. A coletânea contêm os três primeiros jogos, além de novas fases para o primeiro e o terceiro jogo.

A COLETÂNEA

Crash Bandicoot N. Sane Trilogy é tudo que um fã de Crash Bandicoot merece, com seus principais jogos praticamente refeitos. Os gráficos estão lindos e eu consegui ver detalhes únicos do personagem, que antes na era dos famosos polígonos não eram possíveis. Além disso, aquelas cores vibrantes e design de fases bem diferenciados estão ainda mais impactantes na remasterização.

Crash Bandicoot N. Sane Trilogy traz um menu de seleção com os três jogos, e logo de cara já mostra o nome das novas fases inéditas, que estão presentes no primeiro e terceiro jogo. A nova fase Stormy Ascent é casca grossa, ela está presente no primeiro jogo, e para acessar é só usar um desvio de rota no mapa de seleção de fases. Ela tem vários desafios inéditos e faz o jogador usar todo sua habilidade.

Por último temos a fase inédita no terceiro jogo chamada de Future Tense, que está logo nos primeiros portais da Warp Room, só subir no elevador em forma de um pequeno circulo e estará logo indo para essa área extra, ela tem o mesmo layout das últimas fases de Crash, que possuem um tom mais futurista. Espere muitos desafios, não tão pesados como a fase extra do primeiro Crash, mas com um dose extra de diversão.

A tela de seleção já da aquele ar de nostalgia.

Crash Bandicoot N. Sane Trilogy traz uma boa variedade na dificuldade, possuindo uma curva de aprendizado bem tranquila, ainda assim o primeiro jogo tem uma dificuldade mais acentuada. No entanto, nos jogos seguintes foram amenizando essa dificuldade para atrair um maior público.

Algo que faltou na coletânea foi uma localização para o nosso idioma, legendas ou áudio em português, seria uma ótima adição aos jogos. A jogabilidade original foi mantida, então os novos recursos que foram adicionados nos jogos seguintes, estão presente em cada jogo.

VILÕES DIFERENCIADOS

Os vilões dos jogos de Crash Bandicoot N. Sane Trilogy trazem uma ótima dificuldade para um jogo de plataforma, cada um tem seu brilho e jeito de ser vencido, além do layout único e que não é datado. Após tantos anos eles ainda são divertidos de serem vencidos.

Alguns inimigos dão trabalho.

UM REMASTER DE RESPEITO

Crash Bandicoot N. Sane Trilogy é um remaster quase perfeito, gráficos melhorados, muito bem otimizados e o conteúdo adicional dão um ar de novidade ao jogo da década de 90. Crash Bandicoot não envelheceu, e a sua jogabilidade junto com os gráficos renovados, botam qualquer jogo de plataforma no chinelo. Claro que nem tudo são flores, a jogabilidade clássica as vezes atrapalha, algo que poderia ser melhorado com uma melhoria na precisão dos controles, mas ainda assim nada disso ofusca um dos melhores remasters que tive a oportunidade de jogar.

Os gráficos ganharam muitos efeitos.

OPINIÃO

Crash Bandicoot N. Sane Trilogy traz uma ótima dose de nostalgia, com três jogos inéditos para o Xbox, onde você ainda poderá jogar com todo poder do Xbox One X, fiquei impressionado da Activision não ter capado o jogo por causa da história com a concorrência. Outro ótimo motivo é a quantidade de pontos de Gamerscore, pois são no total são 3.000 pontos para a coletânea, isso já é um grande incentivo para os aficionados por Conquistas.

Como citei na analise um ponto negativo é a ausência de localização para o nosso idioma, o jogo não tem pelo menos legendas em português, isso seria um ponto mega importante, pois por mais que a história não seja um primor, existem diálogos entre os personagens que dão mais humor para a trama.

Entenda as nossas notas

Clique e confira na Microsoft Store
Compartilhar.

About Author

Desenvolvedor Web e Analista de TI, gamer assíduo desde a época do Atari, fã de Metal Gear e Gears of War.Ansioso para a E3 2018 chegar!!!

Powered by keepvid themefull earn money