fbpx
Promoção Xbox Super Game Sale 2019 – Xbox One

Quando Ashen foi apresentado pela primeira vez, lá na E3 de 2017, ele instantaneamente chamou minha atenção, não apenas pela sua diferente proposta gráfica, com seus personagens sem rosto, mas principalmente pela ideia de ser um jogo para jogar com um amigo, dentro de um universo misterioso e desafiador. E agora, mais de um ano depois, chegou a hora de ver o que o estúdio Aurora44 preparou para os ansiosos fãs do seu projeto.

Ashen é um RPG em terceira pessoa, que traz uma clara inspiração na famosa e aclamada franquia Dark Souls, da FromSoftware, com sua jogabilidade mais desafiadora e cadenciada, e sua narrativa que envolve as contradições do mundo e dos seres que vivem nele.

O jogo apresenta um mundo novo e cheio de personalidade, mas será que foi suficiente para sair da sombra do estilo Souls? Vamos descobrir juntos nessa análise.

Embarque em uma jornada memorável

Ashen traz uma narrativa que explora as contradições da vida, e toca em temas como luz e trevas, vida e morte.  No seu foco a história mostra um andarilho que busca um lugar para chamar de seu lar. No entanto, nesse mundo nada dura por muito tempo, pois aos poucos tudo se desfaz.

Mas agora esse universo presencia o renascimento de Ashen, que se apresenta como algo que seria como o seu coração, a sua alma. Esse espirito restaurou a luz do mundo que estava nas trevas e coberto por cinzas, e para que esse período nefasto não retorne, você precisa proteger Ashen a todo custo, para que essa nova era de luz sobreviva. No entanto, existem criaturas que se acostumaram a viver nas trevas e tentarão de todas as formas fazer com que essa era da escuridão retorne.

Dungeons impressionantes para explorar

Outro fator essencial em Ashen se trata da construção dos relacionamentos, pois durante a sua jornada você não encontrará apenas inimigos tentando te matar, mas também muitos que estarão dispostos a te ajudar nessa jornada. Existe também uma cidade onde esses personagens que você conhece se direcionam e passam a melhorá-la e também adicionam novos recursos para você melhorar seu personagem e avançar na história.

Personagens memoráveis

Tanto as cutscenes, quanto os diálogos de Ashen possuem uma qualidade impressionante, que te faz prestar a atenção em cada frase que aparece na tela. A narrativa é realmente imersiva e te faz querer entender mais e mais do que está acontecendo. Ao contrário da série Souls, o estúdio Aurora44buscou explicar bem a história de Ashen e fazer com que os jogadores entendessem o que está acontecendo.

No entanto, ainda existem mistérios e muitas coisas que os jogadores precisam prestar a atenção para entender, e isso só aumenta o charme dessa história tão interessante de acompanhar, tanto na sua trama principal, quanto dos personagens que você adiciona para a sua cidade, que também possuem jornadas muito interessantes de se completar.

Souls-like sim, mas com muita personalidade

É inegável que Dark Souls foi a grande inspiração para Ashen, e os veteranos da saga da FromSoftware irão, com certeza, notar diversas similaridades,no entanto, o grande mérito da Aurora44 foi conseguir mostrar essa clara inspiração, mas trazendo uma personalidade própria para o universo que criaram.

O mundo de Ashen é aberto, com grandes áreas para explorar em busca de segredos e itens escondidos. Esses ambientes possuem uma boa diversidade, com áreas mais abertas, cavernas escuras, florestas, pântanos, desertos, castelos…. Tudo para manter o jogador seduzido em conhecer mais e mais do seu mundo, e se sentir incentivado a explorar mesmo com o seu alto nível de desafio.

Inimigos desafiadores

O combate é bem parecido com Dark Souls, com foco no gerenciamento da estamina para a esquiva, ataque e defesa. As batalhas de Ashen recompensam o jogador mais estratégico, que ataca e defende na hora certa, e que estuda bem cada movimento do inimigo, para saber a forma e a hora certa de agir em cada momento. Os controles do jogo funcionam muito bem e estimulam ainda mais essa aventura, tornando cada batalha única e divertida, trazendo aquele sentimento de dever cumprido a cada novo inimigo vencido.

E esses inimigos também possuem uma IA muito inteligente e agressiva, então pode esperar por criaturas que irão partir para cima de você com tudo o que tem, com o único objetivo de te eliminar. A diversidade também é muito boa, com inimigos com as mais diversas maneiras de te abordar, sendo necessário prestar bastante atenção em cada um deles. Os Bosses são um espetáculo à parte, eles não trazem apenas lutas extremamente desafiadoras, que colocam todo o seu entendimento das mecânicas de Ashen a prova, como também proporcionam uma impressionante experiência audiovisual, com arenas e movimentos impactantes e uma trilha sonora maravilhosa, que fazem cada luta ser única e inesquecível.

Para o combate você pode utilizar armas de uma ou duas mãos, escudo e lanças, que podem ser jogadas nos inimigos e constituem a sua ferramenta para ataques de longo alcance.

Sempre melhore o seu personagem

Quanto ao seu personagem, você pode customizar sua aparência no começo, nada muito amplo, mas que traz uma boa particularidade para a sua jornada. Para melhorá-lo você deve juntar escória, que você adquire ao eliminar inimigos, ao coletar em sacos escondidos pelos mapas, ou ao completando missões. Com esse recurso você podem melhorar e aumentar a sua cabaça, que é o item que recupera a sua vida, e também pode melhorar suas armas e comprar talismãs e relíquias.

Para melhorar as armas, para elas darem mais dano, você deve usar escória e algum outro recurso para concluir a melhoria, já as armaduras não podem ser melhoradas, você deve explorar bem os cenários em busca de versões melhores delas para o seu personagem.

As Relíquias e Talismãs funcionam como atributos passivos para o seu personagem, e podem ser utilizados de acordo com o estilo de cada jogador, seja para um modo mais agressivo ou defensivo. Esses itens são ganhos ao concluir missões, e para utilizá-los também é necessário o uso de escória para aplicá-los no seu personagem. Alguns desses itens também mudam a sua aparência, o que é bem interessante de ver no gameplay.

Os status do seu personagem como a vida e a estamina não podem ser personalizados manualmente, eles são melhorados automaticamente ao completar missões ou ao achar as Penas de Ashen, que estão bem escondidas pelos cenários.

Explore bem cada canto dos ambientes

Uma coisa é certa, Ashen nunca vai te deixar entediado, pois existem diversas maneiras de explorar o seu mundo, e muitas alternativas que podem ser testadas para melhorar ou tentar facilitar um pouco sua jornada pelo seu universo.

A aventura é mais agradável com um amigo

Como falamos acima, a história de Ashen fala sobre a construção dos relacionamentos, e para o jogador ter essa sensação de amizade durante o gameplay, sempre haverá alguém ao seu lado, seja um personagem controlado por IA ou outro jogador, sim, você pode jogar toda a história com um amigo.

Caso jogue com uma IA ela irá te ajudar automaticamente em combate, usando seus próprios itens e também te levantando caso você seja derrotado em combate. No entanto, as armas que eles usam não podem ser escolhidas por você, o jogo irá equipar seu companheiro de maneira automática e aleatória, o que é bem ruim, pois dependendo do local que você esteja, ele poderá estar mais fraco do que deveria para te ajudar.

Já no caso de ter um amigo para jogar junto, a jornada se torna mais agradável, mas não pense que é por ela se tornar mais fácil, pois não fica, mas por poder compartilhar as descobertas da história e dos cenários com outra pessoa, dando a real sensação do que é a aventura em Ashen.

Um belo co-op

Jogar com um amigo não é tão simples, mas isso é culpa da falta de explicação por parte do próprio jogo de como o sistema funciona. Para ativar o multijogador é necessário que os jogadores realizem algumas configurações no menu do jogo, como ativar um filtro e definir uma senha (passo a passo aqui), depois disso é só marcar um ponto no mapa para se encontrarem e depois de algum tempo seu amigo irá aparecer para jogar junto com você. Também é possível jogar com desconhecidos, para isso basta deixar sem o filtro.

Independente de como decida se aventurar pelo mundo de Ashen, essa sensação de ter alguém ao seu lado, para compartilhar cada descoberta, é realmente um grande diferencial, algo que torna a jornada única e traz um sentimento muito agradável de companheirismo, que faz parte da trama que o jogo busca apresentar para os jogadores.

Uma impressionante experiência audiovisual

Se tem algo que, definitivamente, diferencia Ashen de qualquer outro jogo do mercado é o seu universo rico e único. Ele impressiona com seus ambientes atmosféricos que te dão um real sentimento de estar no mundo criado pela Aurora44. Seja em uma caverna escura, que te traz um real sentimento de opressão e medo, ou um local mais amplo e claro, de onde você não sabe de onde pode vir o inimigo. O jogador será constantemente surpreendido por um level design inteligente e bem desenvolvido. Aqui também podemos ver sua inspiração em Dark Souls, pois é impossível não lembrar de locais como Anor Londor, Tumba dos Gigantes ou Blightown em alguns cenários, mas ainda assim os desenvolvedores conseguiram trazer a personalidade de Ashen dentro dessa inspiração, o que é ainda mais impressionante.

O desempenho do jogo é bom no geral, mas sofre com algumas quedas de framerate no cenário do Castelo, algo que não presenciei nos outros lugares, onde o jogo se apresentou bem fluido. Alguns jogadores também reclamaram de travamentos, mas isso não aconteceu durante o meu gameplay no Xbox One X. Os gráficos também estão muito bem apresentados e ajudam a deixar esse novo universo ainda mais belo.

Cenários únicos

A trilha sonora é muito bem composta e entra na hora certa, trazendo ainda mais imersão e emoção para a trama. Os temas das lutas contra os Bosses são impressionantes e trazem um tom épico para as batalhas. As vozes dos personagens foram muito bem escolhidas e a interpretação dos atores deixa a história ainda mais cativante.

Ashen está totalmente legendado e com menus em português do Brasil, o que é muito bom para poder entender a história e também saber melhorar seu personagem ao manusear os menus. 

Opinião

Quando Ashen foi apresentado muitos o viram apenas como mais um Souls-like no mercado, mas após ele finalmente ter sido lançado, é fácil chegar a conclusão de que ele é muito mais do que isso. Apesar da clara inspiração no jogo da FromSoftware, o time da Aurora44 conseguiu trazer uma personalidade própria para o seu jogo, e torná-lo uma jornada realmente inesquecível.

O título traz uma arte única, trilha sonora envolvente, jogabilidade divertida e desafiadora, além de uma história que realmente te prende e te faz querer saber qual será o seu desfecho, te fazendo se importar com os personagens.

Ashen é uma aventura que vale a pena, seja para os veteranos em Dark Souls, ou aqueles que querem se aventurar pelo estilo, oferecendo uma experiência realmente diferenciada no mercado de games.

Vale lembrar que o jogo também pode ser baixado pelos assinantes do Xbox Game Pass.

Entenda nossas notas

Clique e confira na Microsoft Store

Compartilhar.

About Author

Administradora de Empresas, mas apaixonada pelo mundo dos games e pelo Xbox!Fã da incrível e complexa franquia Halo e de seu icônico líder, o Master Chief. Também apaixonada por Dragon Age e seu universo magnífico. Ahhh e quem disse que Dark Souls não é divertido? :DSempre ligada nas notícias e novidades do lado verde da força!

Powered by keepvid themefull earn money