fbpx
Promoção Xbox Super Game Sale 2019 – Xbox One

Não é segredo para ninguém, que existe uma parceria entre a Activision e a Sony para levar conteúdos exclusivos ou temporários para o PS4, e o próprio Call of Duty: Modern Warfare teve algumas fases beta exclusivas para a plataforma da Sony, o que não é nenhum problema, pois é apenas um teste da versão final do jogo. Já em relação aos conteúdos comos mapas, armas e atualizações, a Activision havia prometido que além de não ter mais o Season Pass, os conteúdos seriam lançados para todas as plataformas ao mesmo tempo, mas que haveria um conteúdo com Day 1 advantage“, um espécie de exclusividade temporária. O que ninguém esperava era que essa exclusividade duraria um ano completo, algo que está gerando revolta entre os jogadores de Xbox One e PC.

O conteúdo em questão será o Survival Mode, que faz parte do novo Modo Cooperativo Special Ops, uma novidade da franquia. O Survival Mode será liberado no lançamento apenas para PS4, e chegará ao Xbox One e PC apenas no dia 01 de outubro de 2020, completando praticamente um ano de exclusividade. Para piorar a situação, os jogos da série Call of Duty costumam sair anualmente, o que significa que quando o modo for liberado para todos os jogadores, já estará saindo um novo jogo, e Modern Warfare perderá grande parte da sua base instalada.

A Infinity Ward, que é a desenvolvedora do jogo, se pronunciou dizendo que todo o Modo Special Ops estará disponível para todos, mas que a variação clássica chamada Survival Mode realmente terá esse longo período de exclusividade. O estúdio ressalta que fez mudanças para criar uma experiência igual para todos com a retirada do Season Pass, mas que entende o desapontamento de parte dos jogadores que não poderão aproveitar parte do conteúdo.

O diretor narrativo do jogo, Taylor Kurosaki, explica que também entende o despontamento dos jogadores, mas que existem decisões de negócios que estão além do seu controle. Ele provavelmente está citando os acordos feitos entre a Sony e Activision, que é a distribuidora do jogo. Em outro Tweet, que foi deletado, ele diz que afirmar que essa exclusividade está arruinando o jogo é exagero, pois se trata de apenas 1% do jogo, e ainda existe 99% para aproveitar.

A questão não é se tratar de 1% ou 10%, se trata de um jogo que será lançado para diversas plataformas ao mesmo tempo e que terá preço cheio em todas, mas apenas uma delas receberá o conteúdo completo, e não se tratam apenas de semanas ou um mês, se trata se um ano com conteúdo a menos, uma prática Anti Consumidor clara. E tudo se torna ainda mais preocupante por se tratar de uma franquia que costuma lançar jogos anualmente, tornando o tal conteúdo obsoleto quando for liberado.

Depois de um fim de semana bem interessante, onde os jogadores puderam testar um pouco do multiplayer, essa notícia não caiu nada bem entre a comunidade do jogo. E vocês o que acham de toda essa polêmica?

Call of Duty: Modern Warfare será lançado no dia 25 de outubro de 2019.

Compartilhar.

About Author

Administradora de Empresas, mas apaixonada pelo mundo dos games e pelo Xbox!Fã da incrível e complexa franquia Halo e de seu icônico líder, o Master Chief. Também apaixonada por Dragon Age e seu universo magnífico. Ahhh e quem disse que Dark Souls não é divertido? :DSempre ligada nas notícias e novidades do lado verde da força!

Powered by keepvid themefull earn money