fbpx
Xbox Game Pass Ultimate: Inscreva-se por R$1

A franquia Tony Hawk’s Pro Skater sempre esteve no hall das melhores de todos os tempos, onde seus fãs fervorosos pediam por um novo jogo. A Activision, que sempre esteve focada nos jogos-serviços, ao longo dos últimos anos começou a acreditar em suas IPs clássicas, que estavam congeladas há muito tempo. Jogos como Crash e Spyro ganharam remasterizações (quase remakes) bem competentes, além de bem lucrativos, diga-se de passagem.

O mais recente Tony Hawk’s Pro Skater 1 + 2 atiçou uma quantidade enorme de fãs, que já não acreditavam mais na volta da franquia, pois já fazia muito tempo desde o último lançamento, que não fez tanto sucesso assim. O fato do desenvolvimento ficar a cargo da Vicarious Vision, que tem feito um ótimo trabalho com os remakes da publisher, alguns jogadores já aumentaram seu hype, e acreditaram na volta triunfal da série.

SEJA UM SKATISTA

Uma das maiores qualidades da franquia Tony Hawk’s Pro Skater é ter uma jogabilidade amigável, onde a curva de aprendizado é quase instantânea. Mesmo que você nunca tenha jogado, rapidamente você pegará os comandos. Em poucos minutos já estamos fazendo as principais manobras e se divertindo muito.

Temos a opção de escolher um skatista profissional, ou customizar um personagem. As opções tanto para personagens Pro, quanto para os customizados são bem recheadas, dando uma grande personalidade para o escolhido do jogador. Alguns personagens clássicos, que saíram em jogos mais recentes da franquia, também possuem skins dos jogos posteriores, como por exemplo o Tony Hawk que tem skins do terceiro e quarto jogo, por exemplo.

A customização dos personagens é insana.

Além de customizar o seu personagem com skins, o personagem vai evoluindo ao ganhar experiência, e vai subindo de nível, com isso ele pode distribuir pontos nos atributos do personagem. Os pontos também podem ser obtidos durante as fases, onde podemos coletá-los na forma de ícones da logo do jogo.

Além da criação inicial do personagem, existe uma loja, onde podemos obter novos itens de customização com moeda ganha no jogo, algo que achei incrível. Outro ponto interessante é que podemos usar esse recurso para comprar novos itens para o editor de pistas, onde podemos usar criar e compartilhar as pistas para outros jogadores, algo que não existia nos jogos clássicos.

O MELHOR DA FRANQUIA

Quando você olha para o passado da franquia Tony Hawk’s Pro Skater, a maioria lembra dos três primeiros jogos, onde os demais perderam a sua magia. A Activision acertou em cheio ao trazer um compilado dos dois primeiros jogos. O mais incrível disso, é que tudo está no mesmo escopo, sendo compartilhado os menus, personagens e tudo que envolve os dois jogos, onde foi somente separado as pistas e seus desafios, facilitando a escolha do jogador

Além disso, quando você evolui seu personagem ele poder ser usado em ambos os jogos, facilitando algumas fases que são bem casca grossas.

A Activision acertou em cheio em trazer os dois primeiros jogos.

O modo World Tour continua excelente, com muitos desafios para se completar, sendo claramente o coração do jogo. É a sua parte mais nostálgica, e que toca no coração do jogador.

DEU UM OLLIE NA CONCORRÊNCIA

Tony Hawk’s Pro Skater 1 + 2  possui uma boa variedade de modos, desde o modo World Tour (campanha), modos livres que tem a opção de ranking, e um inédito modo online que não existia nos primeiros jogos. A atitude da Vicarious Visions em trazer novidades para a franquia foi louvável, confirmando que eles são uma das melhores empresas para descongelar séries.

O modo online do jogo é surpreendente, pois além de divertido, ele funciona perfeitamente. Não tive problemas para encontrar uma partida, ou quedas de frames. Além disso, os gráficos continuam com a mesma qualidade do single player.

O online possui partidas rápidas e por ranking, onde podemos obter combinações diferentes para cada tipo de jogador.

Em um ano no qual tivemos o lançamento de Skater XL e a entrada de Session em acesso antecipado, Tony Hawk’s Pro Skater 1 + 2 é a melhor opção por simplesmente ser mais simples e completo.

UM ACERVO HISTÓRICO

Tony Hawk’s Pro Skater 1 + 2  possui uma das trilhas sonoras mais incríveis, que reúne grandes sucessos da década de 90, onde muitas pessoas, como eu, descobriram algumas bandas como Papa Roach e Rage Against the Machine. O jogo conseguiu o feito de trazer uma quantidade absurda de músicas licenciadas, mesmo passando-se 20 anos.

Além disso, ele conseguiu incluir algumas músicas novas, que não estavam nos jogos clássicos, como por exemplo Confisco do Charlie Brown Jr, que virou uma grande homenagem para o Chorão (vocalista da banda), que curtia demais o skate, e inclusive tinha sua própria pista de skate em casa. Quem sabe não teremos algo parecido no jogo em alguma atualização.

SOM E GRÁFICOS

Os gráficos do jogo são incríveis, com um uso bem otimizado da Unreal Engine, com uma jogabilidade fluída e uma performance muito boa, tanto no online quanto no offline. Além disso, as texturas são cheias de vida, com profundidade e iluminação bem desenvolvidas.

Falando nos gráficos, a recriação de alguns ambientes ficou incrível, com uma enorme riqueza de detalhes no cenário. Mas mesmo com a mudança, os ambiente seguem bem familiares, não estragando o trabalho original, que os fãs tanto amam.

Outro ponto interessante é a captura de movimentos, que trouxe rostos com expressões faciais mais realistas, mostrando inclusive os efeitos do tempo nos skatistas que já estão mais velhos.

A Unreal Engine foi usada com muita excelência.

O som, como citei anteriormente, está sensacional, com uma trilha perfeita, que não enjoa simplesmente por trazer algo variado, que une o clássico com o novo.

Além disso, os efeitos sonoros dos movimentos foram refinados para algo mais digital, onde temos um resultado bem próximo do real. Os sons mostram a rotina viva de cada pista, com carros passando e algumas pessoas andando pela cidade.

OPINIÃO

Tony Hawk’s Pro Skater 1 + 2  é um dos jogos mais divertidos dessa geração, mesmo sendo um remake de uma franquia de mais de 20 anos. Com uma jogabilidade refinada e com conteúdo de sobra, o jogador poderá se divertir por muito tempo.

Outro ponto a favor do jogo são suas novidades, que trazem um bom modo online que é estável e bem divertido, além de um editor de pistas que aumenta a sua durabilidade.A trilha sonora continua espetacular e atemporal, com músicas que formaram uma geração, além é claro de algumas boas supressas, como a banda Charlie Brown Jr..

A Vicarious Visions chega com moral para a próxima geração, onde poderão fazer um trabalho ainda mais incrível em futuros projetos.

Entenda nossas notas

Compartilhar.

About Author

Desenvolvedor Web e Analista de TI, gamer assíduo desde a época do Atari, fã de Metal Gear(menos o Phantom Pain) e Gears of War. Ter a oportunidade de trabalhar um pouco com games é um sonho realizado. Falta só ir para E3!!!

Powered by keepvid themefull earn money