fbpx
Xbox Game Pass Ultimate: Inscreva-se por R$5

Diablo II: Resurrected recebeu o Patch 2.4 que traz diversas melhorias que afetam diretamente diversos elementos de jogabilidade, com novidades para o gameplay de cada classe, novas palavras rúnicas, novas receitas do Cubo Horádrico, ajustes nos Mercenários e mais. Além disso, prepara caminho para as aguardadas Competições, cuja primeira temporada terá início no dia 28 de abril, às 21 horas (horário de Brasília).

Os Modos de Competição adicionam um sistema opcional de classificação, com diversos modos disponíveis para jogar com personagens competitivos. Cada modo terá um placar próprio, e os jogadores competem por tempo limitado dentro desse conteúdo competitivo. Ao final da temporada de competição, a classificação no placar é zerada, e os personagens são transferidos para o modo não competitivo. Nesse momento, os jogadores podem armazenar seus merecidos tesouros e iniciar uma nova temporada de competição. algo bem parecido com o que ocorre em jogos como Diablo 3 e Path of Exile.

Os modos são:

  • Competição clássica – Jogar os quatro atos.
  • Competição Hardcore clássica – Jogar no hardcore os quatro atos.
  • Competição da expansão – Jogar cinco atos, incluindo a expansão Lord of Destruction.
  • Competição Hardcore da expansão – Jogar no hardcore os cinco atos, incluindo a expansão Lord of Destruction.

Novas palavras rúnicas também serão adicionadas junto com o sistema de Competição. Elas serão exclusivas do Modo de Competição. Ao final de uma temporada de Competição, os personagens Competitivos dos jogadores que conseguirem criar essas palavras rúnicas serão transferidos para uma versão “Não Competitiva” do jogo.

Mas já existem mudanças que podem ser aproveitadas agora pelos jogadores, como a grande novidade do Patch 2.4, que se trata de uma massiva mudança nas classes, algo bem emblemático já que a última atualização grande nas classes foi feita apenas há mais de 10 anos atrás, ainda na versão clássica. Esses ajustes não irão mudar o estilo de cada classe, mas pretende adicionar novas formas de jogar e aumentar a diversidade das builds possíveis. Confira a postagem oficial e descubra o que muda em cada classe especificamente.

A interface também foi atualizada para mostrar mais detalhes sobre as informações dos itens de forma mais clara. Para os Mercenários, quando eles forem contratados no modo Expansão, terão o mesmo nível do seu personagem, em vez de uma diferença aleatória de nível.

O progresso do Uber Diablo para cada tipo de jogo será mantido na base de dados regional. Quando anéis de Pedra de Jordan suficientes forem vendidos, o Uber Diablo surgirá para todos os jogadores da região, não apenas em uma instância de um servidor. Novas mensagens serão exibidas aos jogadores para que possam estimar quando o Uber Diablo surgirá. Com essas mudanças, a ideia é de que mais jogadores tenham a experiência de participar de um evento do Uber Diablo.

Por fim, mudanças na progressão e dificuldade das áreas. Agora os jogadores precisam esmagar o Orbe Dominador para entrar no Cárcere do Ódio em vez de matar o Conselho. Ou seja, será preciso concluir a missão Vontade de Khalim para usar o marco de senda do Cárcere do Ódio Nível 2. Os níveis dos monstros de diversas áreas foram aumentados na dificuldade Tormento para criar incentivos com uma relação de risco e recompensa, e assim aumentar o interesse em explorar essas áreas opcionais, muitas vezes ignoradas pelos jogadores.

Ainda não conhece Diablo II: Resurrected? Então confira nossa análise do jogo. O ARPG já possui mais de 5 milhões de jogadores em todo o mundo.

Compartilhar.

About Author

Administradora de Empresas, mas apaixonada pelo mundo dos games e pelo Xbox!Fã da incrível e complexa franquia Halo e de seu icônico líder, o Master Chief. Também apaixonada por Dragon Age e seu universo magnífico. Ahhh e quem disse que Dark Souls não é divertido? :DSempre ligada nas notícias e novidades do lado verde da força!

Powered by keepvid themefull earn money